Configurando o NetBeans IDE para C/C++/Fortran

Este documento fornece informações sobre o download, a instalação e a configuração do suporte a C/C++ no IDE NetBeans. Antes de começar a desenvolver em C/C++, o NetBeans IDE requer o módulo de plug-in do C/C++, os compiladores C/C++ de terceiros, os utilitários make e os depuradores.

Conteúdo

O conteúdo desta página se aplica ao NetBeans IDE 7.1

Para seguir este tutorial, você precisa dos seguintes recursos e softwares.

Software ou recurso Versão necessária
NetBeans IDE versão 7.1 com plug-in C/C++ do NetBeans
Java Developer Kit (JDK) versão 6 e superior

Ativando o C/C++/Fortran no IDE

O NetBeans IDE é um ambiente de desenvolvimento integrado modular e dinâmico, o que significa que pode ser alterado através da adição e remoção de módulos do programa. É possível acrescentar funcionalidades com a instalação de módulos de plug-in ou remover funcionalidades ao desinstalar os módulos de plug-in. Consulte a ajuda on-line do NetBeans IDE para obter mais informações sobre os plug-ins.

Se quiser trabalhar com os programas C, C++ ou Fortran no NetBeans IDE, a instalação do NetBeans deve incluir o plug-in do C/C++.

Embora o plug-in seja denominado C/C++, também inclui o suporte para programação em Fortran.

Se ainda não tiver o NetBeans IDE 7.1 instalado

Se você ainda não possuir o NetBeans IDE instalado, faça o download do pacote C/C++ ou do pacote All na página de download do NetBeans IDE 7.1. Se não for usar outras linguagens como Java e Ruby, você deveria fazer o download do pacote C/C++.

Se você tem o NetBeans IDE 7.1, mas não sabe se tem o plug-in do C/C++

Se já tiver o NetBeans IDE, certifique-se de que seu NetBeans IDE inclui o plug-in do C/C++ selecionando Arquivo > Novo projeto. Se o C/C++ estiver listado como uma das Categorias, você tem o módulo de plug-in do C/C++. Você deve ir para a seção Instalando e configurando compiladores e ferramentas.

Se tem o NetBeans IDE 7.1 sem o plug-in do C/C++

Se o seu NetBeans IDE não mostrar a categoria de projeto C/C++ ao selecionar Arquivo > Novo projeto, complete as etapas a seguir para adicionar o módulo de plug-in do C/C++ ao IDE.

  1. Se sua rede usa um proxy, selecione Ferramentas > Geral no IDE, selecione Configurações manuais do proxy, digite o Proxy HTTP e a porta do proxy e clique em OK.
  2. Escolha Ferramentas > Plug-ins.
  3. Na caixa de diálogo Plug-ins, clique na guia Plug-ins disponíveis e vá até a categoria C/C++.
  4. Selecione a caixa de seleção C/C++ e clique em Instalar para iniciar o Instalador do NetBeans IDE.
  5. No NetBeans IDE Installer, clique em Avançar.
  6. Leia o contrato de licença, selecione a caixa de seleção para aceitar os termos do contrato e clique em Próximo.
  7. Clique em Instalar.
  8. Após a conclusão da instalação, selecione Reiniciar o IDE agora ou Reiniciar o IDE mais tarde e clique em Concluir.

Instalando e configurando compiladores e ferramentas

O módulo NetBeans C/C++ requer um compilador C, um compilador C++, um utilitário make e um depurador gdb. Consulte as instruções seguintes da plataforma do seu sistema de desenvolvimento.

Microsoft Windows
Oracle Solaris OS
Linux
Macintosh OS X

Microsoft Windows

O módulo NetBeans C/C++ foi testado com os compiladores Cygwin e MinGW. Se você instala o Cygwin e o MinGW, tenha cuidado ao manter suas localizações de instalação separadas e não misture as ferramentas do Cygwin e do MinGW em uma coleção de ferramentas no IDE.

Se você deseja utilizar o Qt com o Windows, é preciso utilizar o MinGW, que está incluído com o Qt SDK. Você não deve instalar o MinGW separadamente.

Ferramentas e compiladores Cygwin
Ferramentas e compiladores MinGW

Ferramentas e compiladores Cygwin

O módulo NetBeans C/C++ foi testado com os seguintes compiladores e ferramentas do Cygwin.com

Software ou recurso Versão testada Descrição
cygwin1.dll 1.7.7, 1.7.9 Ambiente Cygwin semelhante a Linux para Windows
gcc 4.3.4 Compilador C Cygwin
g++ 4.3.4 Compilador C++ Cygwin
gdb 6.8 Depurador GNU Cygwin
make 3.81 Utilitário make Cygwin

Se você já tiver os compiladores gcc e g++ Cygwin, o GNU make e o depurador gdb instalados no sistema Windows e o caminho estiver configurado corretamente para encontrá-los, certifique-se de que você tenha as versões corretas.

Para verificar as versões dos compiladores e das ferramentas Cygwin:

  1. Verifique a versão do ambiente Cygwin digitando os seguintes comandos em um prompt de comando do Windows:

    C:\> cygcheck -c cygwin
  2. Verifique as versões dos compiladores gcc e g++ Cygwin, make, e gdb digitando os seguintes comandos em um prompt de comando do Windows:
    C:\> gcc --version
    C:\> g++ --version
    C:\> make --version
    C:\> gdb --version
    

Se você tiver as versões corretas, não serão necessárias configurações adicionais. Consulte Verificando a instalação para comprovar se as ferramentas estão instaladas corretamente no NetBeans IDE.

Para instalar os compiladores gcc e g++, make e o depurador gdb de cygwin.com:

  1. Consulte o Guia do Usuário do Cygwin para obter informações completas sobre como instalar e utilizar o Cygwin.
  2. Baixe o programa setup.exe do Cygwin ao clicar em Instalar o Cygwin na barra de navegação na esquerda ou ao clicar neste link setup.exe direto.
  3. Execute o programa setup.exe. Aceite os padrões até chegar na página Selecionar conexão de Internet. Nessa página, selecione a opção que melhor se aplica a seu caso. Clique em Próximo.
  4. Na página Selecionar local de download, escolha um local de download que esteja relativamente próximo a você. Clique em Avançar.
  5. Na página Selecionar pacotes, selecione os pacotes para download. Clique no sinal + próximo a Devel para expandir a categoria de ferramentas de desenvolvimento. Redimensione a janela a fim de poder visualizar mais de uma janela ao mesmo tempo.
  6. Selecione o pacote que deseja baixar clicando no rótulo Ignorar ao lado deste, que revela o número da versão do pacote para download. No mínimo, selecione
    • gcc-core: C compiler
    • gcc-g++: C++ compiler
    • gdb: O depurado do GNU
    • make: a versão do GNU do utilitário 'make'
    Os pacotes requeridos pelos pacotes que você selecionar também são automaticamente selecionados.
  7. Clique em Próximo para se conectar ao site de download e fazer o download dos pacotes que selecionou. Clique em Terminar quando a instalação estiver concluída.
  8. Agora, adicione o diretório do compilador Cygwin ao caminho para permitir que o NetBeans IDE encontre o conjunto de ferramentas:

    1. abra o painel de controle:
      - No Windows XP selecione Iniciar > Configurações > Painel de controle) e clique duas vezes em Sistema.
      - No Windows 7, digite var na caixa de pesquisa do menu Iniciar para encontrar rapidamente um linl para Editar as variáveis de ambiente do sistema.
    2. Selecione a guia Avançado e clique em Variáveis do ambiente.
    3. No painel Variáveis do sistema da caixa de diálogo Variáveis do ambiente, selecione a variável Path e clique em Editar.
    4. Adicione o caminho para o diretório cygwin-directory\bin à variável Path e clique em OK. Por padrão, cygwin-directory é C:\cygwin. Os nomes do diretório devem ser separados por ponto-e-vírgula. O caminho editado deve ser semelhante a %SystemRoot%\system32;%SystemRoot%;C:\Program Files\QuickTime\QTSystem;C:\cygwin\bin
    5. Clique em OK na caixa de diálogo Variáveis do ambiente e na caixa de diálogo Propriedades do sistema.
    6. Consulte Verificando a instalação para comprovar se as ferramentas foram instaladas corretamente no NetBeans IDE.

Ferramentas e compiladores MinGW

O NetBeans IDE 7.1 foi testado com o Minimalist GNU para Windows (MinGW) e com o ambiente Minimal System (MSYS) semelhante a Unix. As versões testadas e as instruções de instalação são exibidas abaixo.

Se você deseja utilizar o Qt com o Windows, é preciso utilizar a versão do MinGW
que está incluída no QtSDK em vez de instalar o MinGW separadamente.

Software ou recurso Versão testada Descrição
gcc 3.4.5, 4.6.1 Compilador C MinGW
g++ 3.4.5, 4.6.1 Compilador C++ MinGW
gdb 7.0, 7.3.1 Depurador GNU MinGW
make 3.81 Utilitário make MSYS
Observe que o make MinGW não é suportado

Para instalar os compiladores GNU, make e o depurador gdb de mingw.com:

  1. Efetue o login no Windows utilizando uma conta com privilégios de "administrador do computador".
  2. Faça o download do arquivo de instalação autoextraível de Como instalar o MinGW (GCC) Compiler Suite em mingw.org ou por conveniência você pode fazer o download direto do link.
  3. Execute o instalador MinGW no Windows.
  4. No instalador MinGW, aceite os padrões até chegar na página Selecionar componentes.
  5. Na página Selecionar componentes, selecione o compilador g++. O compilador gcc está automaticamente incluído na instalação, portanto não é um componente selecionável.
  6. Não selecione o make MinGW, dado que é necessário o make do MSYS, que pode ser baixado separadamente. Clique em Avançar.
  7. Utilize o C:\MinGW padrão como pasta de destino, se possível, para diminuir qualquer potencial dificuldade no uso de compiladores provenientes de outro local.
  8. Clique em Instalar para instalar as ferramentas MinGW e, em seguida, clique em Próximo e em Terminar.
  9. Adicione o diretório C:\MinGW\bin ao caminho, conforme descrito em Configurações do ambiente no wiki do MinGW.
  10. Consulte as instruções de instalação do MSYS no wiki do MinGW MSYS. É necessário instalar apenas os arquivos MSYS 1.0. É necessário instalar o DTK ou os arquivos principais mencionados na página wiki.
  11. Para sua conveniência, é possível fazer o download direto do link MSYS-1.0.10.exe
  12. Certifique-se de estar utilizando uma conta do Windows com privilégios de "administrador do computador" ao instalar o MSYS. Caso o MSYS tenha sido instalado com uma conta de usuário limitado, o NetBeans IDE pode apresentar problemas se você tentar compilar ou executar projetos mais tarde.
  13. Execute o instalador do MSYS-1.0.10.exe e aceite os padrões.
  14. Para instalar o depurador gdb, faça o download direto do link para gdb-7.0-2-mingw32-bin.tar.gz. É necessário um utilitário zip do Windows como gzip, 7-zip ou WinZip para extrair o arquivo gdb.
  15. Descompacte o gdb-7.0-2-mingw32-bin.tar.gz no diretório C:\MinGW de forma que o gdb executável seja instalado no diretório C:\MinGW\bin.
  16. Consulte Verificando a instalação para comprovar se as ferramentas foram instaladas corretamente no NetBeans IDE.

Oracle Solaris OS 

No sistema operacional Oracle Solaris, é possível utilizar as ferramentas do GNU ou as ferramentas do Oracle Solaris Studio. As ferramentas do GNU estão incluídas no Oracle Solaris 10 OS e no Oracle Solaris 11 OS no diretório /usr/sfw/bin por padrão. O software Oracle Solaris Studio é um conjunto de ferramentas para desenvolvedores que podem ser baixadas gratuitamente. Os compiladores do Oracle Solaris Studio estão otimizados para o hardware da Sun e facilitam a criação de binários Oracle Solaris ajustados ao desempenho.

O NetBeans IDE 7.1 foi testado com os seguintes compiladores e ferramentas.

Software ou recurso Versão testada Descrição
cc 5.10, 5.11, 5.12 Compiladores Sun Studio 12 Atualização 1, Oracle Solaris Studio 12.2 e Oracle Solaris Studio 12.3 Beta C
CC 5.10, 5.11, 5.12 Compiladores Sun Studio 12 Atualização 1, Oracle Solaris Studio 12.2 e Oracle Solaris Studio 12.3 Beta C++
gcc 3.4.3, 3.4.6 Compiladores C GNU
g++ 3.4.3, 3.4.6 Compiladores C++ GNU
gdb 6.8 Depurador GNU
gmake 3.81 GNU make
make 3.81 make Solaris
dmake 7.9, 8.0, 8.1 Utilitário make distribuído do Sun Studio 12 Atualização 1, Oracle Solaris Studio 12.2 e Oracle Solaris Studio 12.3

Compiladores Oracle Solaris Studio 12.2

Caso deseje usar os compiladores do Oracle Solaris Studio 12.2 no Solaris 10 OS e no Solaris 11 OS:

Para baixar e instalar os compiladores do Oracle Solaris Studio 12.2:

  1. Crie um diretório para o arquivo baixado. Você deve ter permissão de gravação para este diretório.
  2. Baixe o arquivo de instalador do pacote para sua plataforma no diretório de download.
  3. Vá ao diretório de download e descompacte o arquivo descarregado.
    bzcat filename | /bin/tar xvf -
    
  4. Siga as instruções dispostas no Capítulo 2 do Guia de Instalação do Oracle Solaris Studio 12.2 para instalar o compilador C, o compilador C++ e as correções necessárias do Solaris.
  5. Edite seu PATH para adicionar o caminho ao software Oracle Solaris Studio 12.2 antes de iniciar o NetBeans IDE.
  6. Consulte Verificando a instalação para comprovar se as ferramentas foram instaladas corretamente no NetBeans IDE.

Compiladores GNU e GNU make

Se desejar utilizar os compiladores GNU e GNU make:

  • Se você tem uma instalação padrão do Oracle Solaris 10 e 11 OS, os compiladores e o gmake estão instalados em /usr/sfw/bin. Certifique-se de que este local esteja no PATH antes de iniciar o IDE NetBeans.
  • Se os compiladores e o gmake não estiverem instalados em seu sistema, é possível baixá-los em http://www.sunfreeware.com.

Para fazer o download e instalar os compiladores GNU e o utilitário make

  1. Faça o download de gcc e make.
  2. Se os arquivos zip de download não forem extraídos automaticamente durante o download, descompacte-os com o gunzip.
  3. Instale os pacotes com o comando pkgadd.
  4. Certifique-se de incluir os diretórios do compilador GNU e GNU make no caminho antes de iniciar o IDE NetBeans.
  5. Consulte Verificando a instalação para comprovar se as ferramentas foram instaladas corretamente no NetBeans IDE.

gdb Depurador

Tanto com o uso dos compiladores make do Oracle Solaris Studios quanto os compiladores GNU e make do GNU, o depurador gbd é necessário para depurar os aplicativos no NetBeans IDE. É possível fazer o download do gdb em http://www.sunfreeware.com.

Para fazer o download e instalar o gdb:

  1. Faça o download do gdb 6.6 ou 6.8.
  2. Se o arquivo zip de download não for extraído automaticamente durante o download, descompacte-o com o gunzip.
  3. Instale o pacote com o comando pkgadd.
  4. Certifique-se de incluir o caminho para gdb no PATH antes de iniciar o IDE NetBeans.
  5. Consulte Verificando a instalação para comprovar se as ferramentas foram instaladas corretamente no NetBeans IDE.

Linux

Na plataforma Linux, é possível usar as ferramentas do GNU ou as ferramentas do Oracle Solaris Studio.

O NetBeans IDE foi testado com os seguintes compiladores e ferramentas:

Software ou recurso Versão testada Descrição
cc 5.10, 5.11, 5.12 Compiladores Sun Studio 12 Atualização 1, Oracle Solaris Studio 12.2 e Oracle Solaris Studio 12.3 Beta C
CC 5.10, 5.11, 5.12 Compiladores Sun Studio 12 Atualização 1, Oracle Solaris Studio 12.2 e Oracle Solaris Studio 12.3 Beta C++
gcc 4.3.3, 4.4.5 Compilador C GNU no Red Hat Enterprise Linux 5 e Ubuntu 8.04, Compilador C GNU no Oracle Linux 6 e Ubuntu 10.10
g++ 4.3.3, 4.4.5 Compilador C++ GNU no Red Hat Enterprise Linux 5 e Ubuntu 8.04, Compilador C++ GNU no Oracle Linux 6 e Ubuntu 10.10
gdb 6.8, 7.2 Compilador C++ GNU no Red Hat Enterprise Linux 5 e Ubuntu 8.04, Depurador GNU no Oracle Linux 6 e Ubuntu 10.10
gmake 3.81 GNU make no Red Hat Enterprise Linux 5 e Ubuntu 8.04
dmake 7.9, 8.0, 8.1 Utilitário make distribuído do Sun Studio 12 Atualização 1, Oracle Solaris Studio 12.2 e Oracle Solaris Studio 12.3


Compiladores Oracle Solaris Studio 12.2 no Linux

Se desejar usar os compiladores do Oracle Solaris Studio 12.2 no sistema operacional Linux:

Para baixar e instalar os compiladores do Oracle Solaris Studio 12.2:

  1. Crie um diretório para o arquivo baixado. Você deve ter permissão de gravação para este diretório.
  2. Se o seu navegador estiver configurado para fazer a instalação em um local específico como na área de trabalho ou em um diretório de downloads sem solicitar permissão, configure as preferências do navegador para que o download seja feito no diretório que você criou. No Firefox, o diretório de download é configurado em Editar > Preferências > Principal.
  3. Baixe o arquivo para sua plataforma no diretório de download que você criou. Se estiver usando o Ubuntu, baixe a instalação tarfile para o diretório onde deseja instalar o mesmo, porque os pacotes são para o Oracle Linux, Red Hat Enterprise Linux e SuSE Linux Enterprise System. Observe também que o Ubuntu não é uma plataforma oficialmente suportada para o Oracle Solaris Studio IDE, mas os compiladores foram testados para serem utilizados no NetBeans IDE e não apresentaram problemas.
  4. Vá ao diretório de download e descompacte o arquivo descarregado.
    bzcat filename | tar xvf -
    
  5. Se você baixou os pacotes SUSE ou RPM, siga as instruções dispostas no Capítulo 2 do Guia de Instalação do Oracle Solaris Studio 12.2 para instalar o compilador C, o compilador C++ e o compilador Fortran.
  6. Edite seu PATH para adicionar o caminho ao software Oracle Solaris Studio antes de iniciar o NetBeans IDE.
  7. Consulte Verificando a instalação para comprovar se as ferramentas foram instaladas corretamente no NetBeans IDE.

Para baixar e instalar o depurador do GNU no Oracle Linux ou no Red Hat Enterprise Linux, digite:

yum install gdb

Para fazer o download e instalar o depurador GNU em Ubuntu, digite:

apt-get install gdb

Macintosh OS X

O NetBeans IDE foi testado com os seguintes compiladores e ferramentas:

Software ou recurso Versão testada Descrição
gcc 4.2.1 Compilador C GNU no Mac OS X 10.6
g++ 4.2.1 Compilador C ++ GNU no Mac OS X 10.6
gdb 6.3.5 Depurador GNU no Mac OS X 10.6
make 3.81 GNU make no Mac OS X 10.6

Instale os pacotes a seguir fornecidos com o Macintosh OS X:

  • Xcode
  • X11

Estes pacotes podem ser baixados no canal Apple Developer Connection através da adesão gratuita ao ADC.


Verificando a instalação

Para verificar se a instalação está correta, inicie o IDE NetBeans, crie um projeto de amostra e execute-o no depurador gdb.

Inicie o NetBeans IDE

Para iniciar o IDE, adote um dos seguintes procedimentos:

  • Clique duas vezes no ícone do NetBeans IDE na área de trabalho.
  • Nas plataformas Linux ou Solaris, vá ao subdiretório bin da instalação do NetBeans e digite ./netbeans.
  • Inicie o NetBeans IDE através do menu na área de trabalho.
    Este método está disponível nas plataformas Windows, mas talvez não esteja disponível no Solaris 10 OS e em algumas plataformas Linux.

Crie um projeto de amostra para testar as ferramentas

Em todas as plataformas, é possível criar um projeto de amostra para testar a instalação do compilador e executá-lo no depurador para testar a instalação do gdb.

Para criar um projeto de amostra e executá-lo no depurador:

  1. Abra o Assistente de Novo projeto em Arquivo > Novo projeto.
  2. No painel Categorias na página do assistente Escolher projeto, expanda a categoria Amostras e selecione a subcategoria C/C++.
  3. Na janela Projetos, selecione o projeto Welcome. Clique em Avançar.
  4. Na página Nome e local do projeto, clique em Concluir.
  5. Na janela Projetos, clique com o botão direito do mouse no projeto Welcome_1 e escolha Construir. Se os compiladores e o utilitário make estiverem instalados corretamente e o caminho que leva a eles estiver definido, a saída de criação é exibida na janela Saída e a criação do projeto é bem-sucedida.
  6. Expanda o nó Arquivos de código-fonte do projeto e clique duas vezes no arquivo welcome.cc para abri-lo no Editor de código-fonte.
  7. Defina o ponto de interrupção clicando na margem esquerda da janela Editor de código-fonte ao lado de qualquer linha.
  8. Clique com o botão direito do mouse no projeto e escolha Depurar. Se o depurador gdb estiver instalado corretamente e o caminho para ele estiver definido, o gdb será iniciado, as guias do depurador serão exibidas e o aplicativo Welcome será executado e interrompido no ponto de interrupção.
  9. Escolha Depurar > Continuar para executar o aplicativo até o final.
  10. Se o projeto não é construído ou o depurador não funciona, consulte a próxima seção.

Solução de problemas de ferramenta

  1. Selecione Ferramentas > Opções e clique em C/C++ no painel superior da caixa de diálogo Opções.
  2. Na aba ferramentas de construção, examine a lista Coleção de ferramentas para ver se sua coleção de ferramentas está listada.
  3. Selecione a coleção de ferramentas se estiver listada, e verifique os caminhos para as ferramentas. Se o caminho do Diretório base estiver incorreto, você pode ter cometido um erro ao definir sua variável de ambiente Path. Consulte de novo as instruções para definir o caminho na seção para sua plataforma neste documento e faça a correção do caminho se necessário.
  4. Se a coleção de ferramentas não estiver listada, clique em Restaurar padrões. Isso fará com que o IDE faça nova varredura em seu ambiente para procurar por ferramentas e a coleção de ferramentas deverá ser encontrada se a variável de ambiente Path estiver correta.
  5. Se ainda tiver um problema, tente adicionar uma nova coleção de ferramentas e especifique o caminho para as ferramentas, como segue:
    1. Clique em Adicionar abaixo da lista Coleção de ferramentas.
    2. Procure pelo diretório que contenha os executáveis para os compiladores, depuradores e para o utilitário make. Normalmente, isso é o diretório bin.
    3. Selecione o diretório e clique em Abrir. O IDE deveria ser capaz de determinar a família de ferramentas e atualizar os outros campos na caixa de diálogo de forma apropriada. Se não for capaz, um erro é exibido.
    4. Se as ferramentas são corretamente identificadas, clique em OK na caixa de diálogo Adicionar coleção de ferramentas. A nova coleção deveria estar exibida na lista.
    5. Selecione a nova coleção de ferramentas e clique em Padrão para assegurar que esta coleção de ferramentas seja automaticamente usada para novos projetos.

    Se não conseguir solucionar o problema, solicite ajuda ao Fórum de Usuários do NetBeans C/C++.


Próximas etapas

Para aprender de modo rápido como desenvolver um aplicativo C ou C++ com o NetBeans IDE, consulte o Tutorial de Início Rápido de Projetos C/C++

Not logged in. Log in, Register